Por que este psicólogo americano diz que o jornalismo está sendo destruído pela internet


Robert Epstein analisa o impacto das redes socias: 'A informação vem de todos os lados, sem os filtros, que eram os processos de apuração do jornalismo'.

Por Ana Maria Bahiana - De Los Angeles para a BBC News Brasil

O jornalismo está sendo destruído pela internet, e isso nos leva a um futuro incerto e muito perigoso." Esta é a visão do psicólogo Robert Epstein, doutor pela Universidade de Harvard que se dedica a estudar a atuação nas redes sociais das gigantes de tecnologia e defende uma interferência direta nessas empresas.


Segundo ele, as pessoas não têm mais como discernir o verdadeiro do falso, porque "a informação vem de todos os lados, sem os filtros, que eram os processos de apuração do jornalismo". "Um impacto como esse (das redes sociais) jamais existiu na história humana."


Em entrevista à BBC News Brasil, o atual diretor do Cambridge Center for Behavioral Studies, dos EUA, defendeu que haja uma intervenção direta nas empresas que controlam as redes sociais, para que a disseminação de notícias falsas - as chamadas "fake news" - não interfiram em processos eleitorais.

CONTINUE LENDO AQUI:

https://www.terra.com.br/noticias/tecnologia/por-que-este-psicologo-americano-diz-que-o-jornalismo-esta-sendo-destruido-pela-internet,bd18067cee159d1f913010e25695f0ab4qychdw8.html

Useful links